search
top

Especial Valentine’s Day: Kate e Taylor – A Guardiã da Minha Irmã

Talvez a área de oncologia de um hospital não seja o melhor lugar do mundo para se flertar, mas quando é lá que você passa a maior parte do seu tempo, você acaba ficando sem opções. E é assim que Kate conhece Taylor, e compartilhando suas histórias, seus históricos de leucemia e angústias em comum, nasce um amor puro de dois adolescentes que sabem como é importante aproveitar cada momento.

Citação famosa:
“– Qual você acha que é o melhor jeito de morrer?
– Não quero falar nisso.
– Por quê? Euestou morrendo e você está morrendo. Quando franzi as sobrancelhas, Kate insistiu.
– Está sim, – e então sorriu – eu só sou melhor do que você nisso.”

Porque ler: É um livro para nunca mais esquecer, que vai te fazer chorar por horas e ficar na sua cabeça por dias.

Mariana Arantes, resenhista do Clube do Livro

A Guardiã da Minha IrmãA Guardiã da Minha Irmã
Jodi Picoult

Concebida por meio de uma fertilização in vitro, Anna foi trazida ao mundo para ser uma combinação genética para a sua irmã mais velha, Kate, que sofre de leucemia promielocítica aguda. Aos 15 anos, Kate passa a sofrer de insuficiência renal. Anna sabe que se doar seu rim, ela terá uma vida limitada. Ciente de que terá de doar um de seus rins para sua irmã, Anna processa os pais para obter emancipação médica e direito sobre seu próprio corpo.

top