search
top

[Resenha] Novos mistérios = novos problemas.

Nota do resenhista:   Para quem pensava que acabou… Surpresa! Descobrimos quem é “A” – e ela está morta -, mas parece que muita água ainda vai rolar antes da vida de nossas queridas mentirosas voltarem ao normal.




   Tempo: Para ler de um tiro só no fim de semana.

   Finalidade:  Para aprender a tomar cuidado com segredos.

   Restrição:  Para quem não gosta de mistério e dramas adolescentes.

   Princípios ativos:  Mistério, Drama Adolescente, Segredos, Tragédias   



 Perversas, de Sara Shepard.

 Finalmente descobrimos como começou a amizade de Ali, Hanna, Spencer, Ária e Emily. Ali sempre fora uma estrela, mas as outras quatro eram quase o nível térreo da hierarquia social escolar. As coisas começam a mudar durante a realização da Cápsula do Tempo, um ritual de Rosewood Day, no qual os alunos devem encontrar partes da bandeira da escola e personalizá-las. Conseguir um pedaço da bandeira é o mesmo que ser eternizado na história…

Depois do traumatizante desfecho da última festa, as amigas passam a consultar uma terapeuta que tenta ajudá-las a deixar para trás tudo de ruim que aconteceu, e – a princípio – enterrar algumas lembranças … Mas é claro que não resolve nada.

E se todos pensavam que depois de “A” estar morta tudo iria voltar ao normal… Estávamos todos errados!!! Uma nova “A” surge, e essa parece ser mais assustadora e misteriosa do que antes.

Mas claro que “A” não é o único problema da vida das garotas. Depois de ser quase morta, Hanna descobre que ainda vai ter que conviver com sua futura meia-irmã Kate.

Como se não bastasse ser ignorada por seus pais e irmã, um terrível segredo de família vem à tona com a morte de sua avó e a vida de Spencer começa a desmoronar.

Emily conseguiu fazer com que sua família aceite sua opção sexual e tudo vai muito bem… Até que ela percebe que talvez não goste apenas de meninas. E Aria parece que encontrou uma nova paixão,que talvez entre na sua vida de uma forma diferente do que  ela esperava.

A verdade é que esse volume é o recomeço em termos de mistério e problemas. Com uma nova “A” na área a vida das meninas tende a continuar a mesma de antes! Este não é meu livro favorito da série, porque foram criados muitos mais mistérios que ficaram um pouco sem explicação, mas os capítulos finais são completamente viciantes e te deixa louca para ler a continuação.

A edição continua perfeita, em minha opinião, e mesmo depois do designer da capa ter mudado ainda temos uma boneca que nesse caso é a Spencer. Recomendo a todos!

 Resenhado por [Luana Beltramini Vilela].

328 páginas, Editora Rocco, publicado em ano 2011.
*Título Original: Wicked
Tradução: Fal Azevedo

Deixe um comentário

top